Fênix

 

 Editorial   Artigos & Resenhas   Expediente   Contato   Normas   Edições Anteriores  Indexadores
 

A INCESTUOSA GEMEIDADE: NOTAS SOBRE THE DREAMERS, DE BERNARDO BERTOLUCCI

Debora Breder
Universidade Católica de Petrópolis
deborabreder@hotmail.com

RESUMO: O artigo propõe uma reflexão sobre o modo pelo qual o ideal de uma “perfeita gemeidade”, comum à tradição indo-europeia, vem sendo atualizado nas narrativas contemporâneas. Do mito ao romance e deste ao cinema, o tema parece integrar os discursos simbólicos sobre a gemeidade a partir do motivo do incesto, como sugerem tantas tramas literárias e cinematográficas. Tomando como ponto de partida o longa-metragem The Dreamers (2003), de Bernardo Bertolucci, numa perspectiva comparativa com o romance O quarto fechado (1984), de Lya Luft; e o conto Wälsungenblut (1921), de Thomas Mann – que colocam em cena três pares de gêmeos de sexos diferentes –, analisa-se a retórica incestuosa que permeia as narrativas sobre a gemeidade em nossa tradição cultural.

PALAVRAS-CHAVE: Gêmeos - Incesto - Cinema


THE INCESTUOUS TWINNING: NOTES ON BERNARDO BERTOLUCCI’S THE DREAMERS

ABSTRACT: This article proposes a reflection on the way the ideal of a “perfect twinning”, common to the indo-european tradition, has been being updated on the contemporaneous narratives. From the myth to the novel and from it to the movie, the theme seems to integrate the symbolic discourse on the twinning from the incest intent, as many literary and cinematographic plots suggest. Thus, having as a starting point Bernardo Bertolucci‟s feature film The Dreamers (2003), in a comparative perspective with Lya Luft‟s novel O quarto fechado (1984); and Thomas Mann‟s short story Wälsungenblut (1921) – which set on the spot three pairs of different sex twins –, it is analyzed the incestuous rhetoric that permeates the narratives on twinning in our cultural tradition.

KEYWORDS:
Twins - Incest - Movie

 

abrir  download

 
Fênix - Revista de História e Estudos Culturais | ISSN: 1807-6971 | Todos os direitos reservados.