Fênix

 

MenuMaker
 

OS PEÕES NEGROS DO XADREZ SOCIAL: JUSTIÇA E POLÍCIA ENTRE O PÚBLICO E O PRIVADO – OLIVEIRA, MG, 1851

Leonam Maxney Carvalho
Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG
leonamcarvalho@yahoo.com.br

RESUMO: Este artigo é uma análise de caso sobre um processo de homicídio registrado na Vila de Oliveira, em 1851. Quatro escravos que estavam fugidos havia mais de seis anos, seduzidos pelas promessas de um homem livre, inimigo da família de seus senhores, assassinaram seu senhor para ficar livre de suas perseguições. As contendas relatadas no documento em torno do crime envolvem rixas entre famílias tradicionais da vila, funcionários do policiamento, negros forros e formação de quilombos. O objetivo central deste texto foi analisar e discutir algumas vicissitudes da pesquisa sobre fontes criminais nos temas da história da polícia, da justiça e da escravidão em Minas Gerais no século XIX.

PALAVRAS-CHAVE: criminalidade - escravidão - direito penal - polícia - xadrez

BLACK PEDESTRIANS IN THE SOCIAL CHESS: JUSTICE AND POLICE BETWEEN THE PUBLIC AND PRIVATE – OLIVEIRA, MG, 1851

ABSTRACT: This article is a case study about a murder registered in Oliveira Village, in 1851. Four slaves were runaway had more than six years, lured by promises of a free man, enemy of the family of their masters, murdered his master to get free of his pursuits. The strife reported in the document about the crime, involving dissension between traditional village families, law enforcement officials, freed men and formation of quilombos. The central aim of this paper was to analyze and discuss some aspects of events on criminal sources on issues of police, justice and slavery history in Minas Gerais in the nineteenth century.

KEYWORDS:
crime - slavery - criminal Law - police - chess

 

abrir  download

 
Fênix - Revista de História e Estudos Culturais | ISSN: 1807-6971 | Todos os direitos reservados.