ARTIGOS


- Alva e Idéia: Duas Revistas e um Passado para a Vida Literária Paraibana do Século XIX - Socorro de Fátima Pacífico Vilar

- Ficção e Experiência: O Particular, o Fragmento e o Instante - Luiz Antonio Mousinho

- Notas de pesquisa sobre a correspondência entre Alceu Amoroso Lima e Jackson de Figueiredo (1919-1928) - Adalmir Leonidio

- A Distinção Entre Princípio Poético e Princípio Filosófico: Da Invenção à Interpretação - Alexandre Costa

- Nelson Werneck Sodré, Historiador - Ivan Ducatti

- O Caráter, O Páthos e a Escrita Histórica - Deise Zandoná

- Representações Mentais: O Pensamento Narrativo e o Pensamento Paradigmático Integrados - Ana Teresa Contier e Marcio Lobo Netto

- Brasil do Teatro Engajado: A Trajetória de Vianinha, Paulo Pontes e Chico Buarque - Dolores Puga Alves de Sousa

DOSSIÊ "MUNDO ROMANO"


- Apresentação do Dossiê “Mundo Romano” - Ana Teresa Marques Gonçalves

- Morte e Vida na Arena Romana: A Contribuição da Teoria Social Contemporânea - Renata Senna Garraffoni e Pedro Paulo A. Funari

- Os Ofícios: Meios de Sobrevivência dos Setores Subalternos da Sociedade Romana - Luciane Munhoz de Omena

- O Espaço Urbano da Cidade de Balsa: Uma Reflexão Sobre o Conceito de Romanização - Norma Musco Mendes

- Educação, Filosofia e Poder no Século IV: Temístio de Bizâncio e a Defesa da Ação Pública dos Filósofos na Oratio XXVI - Gilvan Ventura da Silva

- O Mundo Romano no Século IV: Decadência ou Reestruturação - Cláudio Umpierre Carlan

- A Escravidão no Centro do Poder: Observações Acerca da Família Caesaris - Fábio Duarte Joly

- “O Leão Está de Olho”: Um Estudo de caso de um Mosaico da África Proconsular - Regina Maria da Cunha Bustamante

- Rupturas e Continuidades: Os Antoninos e os Severos - Ana Teresa Marques Gonçalves

RESENHAS


- Teoria da Literatura “Revistada” : Uma Importante Contribuição para os Estudos Literários e Áreas Afins -
Fani Miranda Tabak

- Questionamentos Acerca dos Conceitos Fundamentais de Globalização, Identidade e Pós-modernidade a partir da Obra de Stuart Hall - Maurício Pedro da Silva





EDITORIAL


É com imensa satisfação que lançamos mais um número da “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” (Volume 4, Ano IV, Número 1 – Janeiro/Fevereiro/Março/2007).

O site www.revistafenix.pro.br entrou no ar em dezembro de 2004 com o objetivo de divulgar uma publicação que se caracterizasse pela agilidade, universalidade e gratuidade tanto na divulgação quanto no acesso. Essa preocupação, porém, não encerrava as expectativas depositadas na sua criação. Pelo contrário, o grande propósito era tornar acessível uma publicação capaz de incentivar a interlocução acadêmica e a ampla divulgação de pesquisas instigantes e de alto nível, procurando traduzir a dinâmica e a diversidade dos diálogos interdisciplinares da pesquisa histórica e dos Estudos Culturais.

Os resultados positivos obtidos com esse projeto, considerando também a atual edição, materializam-se na publicação de quinze (15) resenhas e cento e treze (113) artigos, oriundos de diferentes estados do Brasil: Piauí, Paraíba, Pernambuco, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Ademais, a “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” acolheu oito (08) dossiês, a saber: Chico Buarque & Vianinha: arte e política no Brasil Contemporâneo (organizado pela Editoria), História Oral (organização de Paulo Roberto de Almeida), Homenagem a Jorge Andrade – 50 anos d'A Moratória: Encruzilhadas da Literatura e da História (organização de Diógenes Maciel), Cinema-História (organização de Sheila Schvarzman), Teoria da História (organização de Pedro Spinola Pereira Caldas), História e Visualidades (organização de Alcides Freire Ramos), Teorias do Espetáculo e da Recepção (organização de Robson Camargo) e Mundo Romano (organização de Ana Teresa Marques Gonçalves).

Vale salientar que, ao longo desse período, a “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” deu passos decisivos para a sua consolidação no meio acadêmico. Isto pode ser afirmado não somente por ter sido incluída no Portal de Periódicos de Acesso Livre da CAPES e em um importante indexador internacional, o DOAJ - Directory of Open Access Journals, ambas ocorridas em 2006, mas também pelo fato de ela ter melhorado sua avaliação no QUALIS/CAPES. Tudo isso contribuiu para o aumento de seu impacto junto à comunidade acadêmica nacional e internacional das áreas de História, Letras e Artes. Como comprovação dessa melhora, deve-se destacar o aumento considerável da remessa de artigos, a predominância da colaboração de doutores e o recebimento de artigos internacionais. Outro indicador importante, para a avaliação das atividades desenvolvidas nesses últimos anos, diz respeito ao número de visitas ao site www.revistafenix.pro.br, isto é, até o momento, a “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” recebeu mais de quarenta e cinco mil (45.000) consultas, assim divididas: 70% dos acessos originam-se do Brasil, e os 30% restantes são internacionais (Portugal, EUA, México, França, Itália, Espanha, Alemanha, Moçambique, Suécia, Inglaterra, entre outros). Por fim, cabe sublinhar que, como coroamento de todo esse processo, a “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” concorreu a recursos de Edital de apoio a publicações científicas e, com base no bom desempenho desses últimos anos, foi contemplada e já está recebendo recursos financeiros do CNPq e da Capes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entretanto, é preciso que se diga: muito pouco teria sido feito sem o envolvimento da Secretaria Executiva e dos Conselhos Editorial e Consultivo. O desprendimento e a coragem dos diretamente envolvidos nessa empreitada foram de grande importância para o bom encaminhamento dos trabalhos, mantendo a qualidade editorial e publicando artigos de excelência. Acima de Tudo, devemos aqui registrar uma especial menção aos nossos leitores e colaboradores: sem eles, nada disso teria sido possível. Por esta razão, queremos expressar nossos mais sinceros agradecimentos a todos aqueles que, acessando o site ou enviando seus artigos, contribuíram e contribuem para que a “Fênix – Revista de História e Estudos Culturais” tenha sido tão bem recebida.

Com efeito, mais um bom exemplo dessa afirmação pode ser verificado nesse número, que ora vem a público. Nele, o leitor será motivado a conhecer melhor a contribuição dos pesquisadores brasileiros que se dedicam ao estudo da História Antiga, graças ao EXCELENTE Dossiê Mundo Romano, organizado por Ana Teresa Marques Gonçalves e que é composto por artigos de Pedro Paulo Abreu Funari, Renata Senna Garraffoni,  Luciane Munhoz de Omena, Norma Musco Mendes, Gilvan Ventura da Silva, Cláudio Umpierre Carlan, Fábio Duarte Joly, Regina Maria Bustamante e da própria organizadora, Ana Teresa Marques Gonçalves.

Como se isso não bastasse, ao consultar a seção livre, o leitor entrará em contato com instigantes incursões pelos Estudos Literários com os artigos de Socorro de Fátima Pacífico Vilar, Luiz Mousinho e Adalmir Leonídio. Por outro lado, os interessados nas questões de cunho teórico terão a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos nos artigos de Alexandre Costa, Ivan Ducatti, Deise Zandoná e Ana Teresa Contier. Completando essa seção, há um artigo de igual interesse: o de Dolores Puga, que discute a noção de teatro engajado a partir das obras de Vianinha, Paulo Pontes e Chico Buarque.

A expectativa em relação a esse novo número é a de que ele tenha aceitação semelhante aos anteriores.

Mais uma vez, agradecemos pelos artigos enviados e, antecipadamente, pelo apoio na divulgação deste periódico.

Boa leitura a todos!

Alcides Freire Ramos, Pedro Spinola Pereira Caldas e Rosangela Patriota

Editores da Fênix – Revista de História e Estudos Culturais